Nossa reportagem acompanhou a dura realidade de dezenas de cães abandonados que perambulam as ruas de Lábrea e que fazem da praça da cidade um ponto de encontro. Também apuramos que o problema se arrasta por anos a fio e até a presente data nenhum gestor conseguiu resolver o problema que passa, antes, pela conscientização da população em cuidar bem dos seus animais de estimação, não os deixando abandonados como muitos o fazem.

Vários  moradores reclamam que, ao ir à praça ou caminhar pelas ruas da cidade, sentem medo de serem atacados e mordidos por esses cães. Além disso, como esses cães não são acompanhados por seus donos, não são vacinados e, portanto, oferecem riscos de doenças caso morda alguém, além da sujeira que promovem no local.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA