Representando o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) e o estado, o comandante do Pelotão Fluvial, subtenente José Fernando Liberato, conquistou o primeiro lugar no campeonato Brasileiro de Remo Olímpico, nas categorias 4×100 e 2x Double Misto Classe “C”, de 41 a 50 anos.

A competição foi realizada, neste fim de semana, na lagoa Rodrigo de Freitas, na cidade do Rio de Janeiro (RJ), reuniu 27 clubes e competidores de todos os lugares do país.

Os atletas da equipe da Amazônia Clube de Regatas, do qual o subtenente faz parte, também conquistaram o vice-campeonato nas categorias 8+ Master Classe “C” e 4x Four Misto Classe “B”.

Ele, que acumula 27 anos de experiência no Corpo de Bombeiros, traz para o Amazonas o título de campeão e vice-campeão brasileiro de Remo Olímpico em quatro categorias, somando duas medalhas de ouro e duas de prata.

Preparação – Para representar o Amazonas, o comandante – que é um dos mergulhadores do Corpo de Bombeiros – treinou, diariamente, das 4h até às 7h para, às 8h, já estar de prontidão no Pelotão Fluvial e atender chamados ou ocorrências de resgate e salvamento.

Segundo ele, a rotina de treinos e as atividades na corporação se complementam e, juntas, formam a paixão de representar, servir e proteger a população amazonense.

“É difícil. A gente treina como amador, mas é cobrado como profissional no remo. Já no Corpo de Bombeiros, costumo dizer que cada mergulho é diferenciado, tem que ter um preparo físico bastante elevado. O mergulho leva o nosso corpo ao extremo, trabalhamos sob pressão e temos que ter tempo de mergulho, descompressão do corpo quando estivermos voltando para a superfície, além da descompressão natural do corpo, então exige um preparo físico. O remo me ajuda nesse quesito”, disse.

Fotos: Divulgação / SSP-AM

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA