Atenuado por Átila, ministro terá que ir à Comissão da Amazônia

Evitando mais uma derrota ao governo na Câmara, dessa vez no âmbito da Comissão da Amazônia, o presidente do colegiado, deputado federal Átila Lins (Progressistas-AM), atenuou ontem a situação do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles (foto).

Com proposta do deputado paraense Edmilson Rodrigues (Psol), Salles seria convocado a comparecer à comissão a dar explicações sobre o Fundo da Amazônia, gerido pelo BNDES, mas composto principalmente com dinheiro da Noruega e da Alemanha.

Havia clima pela aprovação do requerimento, mas o parlamentar amazonense pediu que Edmilson formalizasse um convite ao ministro e assim o fez.

A convocação seria constrangedora ao governo, porque o chefe da pasta não pode se recusar e, caso o faça pode ser formalmente processado pela Casa.

A ida do ministro Ricardo Salles à Comissão da Amazônia ainda não tem data, mas deverá ocorrer nos próximos dias, disse Átila Lins.

 

Foto: Marcos Corrêa/PR

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA