Bolinha solicita apoio de Álvaro Campelo para aquisição de ambulâncias para o Hospital de Lábrea

DA REDAÇÃO – O vereador Ailton Bolinha aproveitou a vinda do deputado estadual Álvaro Campelo (PP), quando este visitou Lábrea por ocasião da Festa do Sol realizada no último fim de semana, e na oportunidade solicitou o apoio do parlamentar em busca de uma solução para a reposição das ambulâncias que foram queimadas por atos de vandalismo no início do ano e que até agora não foram repostas pela Secretaria Estadual de Saúde do Amazonas (SUSAM).

O vereador afirmou, inclusive, que uma dessas ambulâncias era uma UTI, que hoje faz muita falta, pois era utilizada para atender aos moradores dos ramais e também para transferências de doentes para Porto Velho, no vizinho Estado de Rondônia.

Vereador Bolinha pede ao deputado Álvaro Campelo reposição de Ambulâncias

O deputado Álvaro Campelo, que recebeu o documento no último dia 03 de setembro, comprometeu-se com o vereador de envidar todos os esforços junto à SUSAM para que o Estado reponha essas ambulâncias e atendam às demandas da população do Município.

Durante sua visita a Lábrea, Campelo disse que valeu a pena viajar centenas de KM para esse evento. O deputado veio principalmente acompanhar de perto a fiscalização contra a exploração sexual infantil. Na oportunidade,  ele visitou, juntamente com o vereador Bolinha, o Hospital Regional de Lábrea, onde presenciou a ausência da ambulância que foi incendiada por uma facção criminosa. O parlamentar assegurou ao vereador Bolinha e ao povo de Lábrea que já encaminhou solicitação à SUSAM para reposição do veículo.

Visita do vereador Bolinha e deputado Álvaro Campelo ao delegado Jorge Gadelha.

Álvaro Campelo também visitou o delegado Jorge Gadelha, onde viu o importante trabalho que vem sendo realizado pelo titular da Delegacia de Lábrea. Campelo aproveitou a oportunidade para assegurar que vai solicitar à Delegacia Geral o aumento do efetivo policial no município.

 

Requerimento solicitando a reposição de ambulâncias
COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA